CARREGANDO

Seg à Sex 9h às 18h
+55 41 3151-2607

Os segredos do branding: como tornar sua marca desejada pelos consumidores

17 de março

Você sabe o que faz a Coca-Cola continuar sendo o refrigerante mais consumido, globalmente falando? Ou o motivo do iPhone ser tão desejado pelo público, independente do país? Você pode pensar na qualidade dos produtos que, sem dúvida, influenciam. Mas certamente o que sustenta esse sucesso é outra coisa: a gestão eficiente da marca, ou branding.

A gestão da marca visa criar ações que tornem um produto ou serviço altamente desejado pelos consumidores, despertando sensações positivas e empáticas. É a forma de estabelecer afinidades com o público, conquistá-lo por conexões conscientes e inconscientes.

E não são apenas as grandes marcas que se preocupam com isso. O mundo atual, aberto a novidades e com uma demanda crescente de negócios, exige um posicionamento diferenciado e coerente. O que é alcançado apenas numa estratégia de branding bem definida. Mas vamos começar pelo início?

Marca: definição

Segundo o dicionário, marca é o “ato ou o efeito de marcar”; “traço, sinal, impressão deixada por alguém ou algo”.

Já o Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI – diz que “marca é todo sinal distintivo, visualmente perceptível, que identifica e distingue produtos e serviços, bem como certifica a conformidade dos mesmos com determinadas normas ou especificações técnicas”.

Philip Kotler, uma das principais referências de marketing do mundo, define marca como “um nome, termo, símbolo (ou combinação de símbolos) que identifica o vendedor do produto”.

As definições aliadas ao conhecimento de marketing digital, sugere que marca é o que dizem de você ou do seu negócio quando você não está por perto. Então, o que gostaria que dissessem?

Na prática de mercado…

No cotidiano, o que a marca representa é muito mais amplo. Tudo que é feito pela empresa, seja em campanhas publicitárias seja no atendimento realizado pelo time de vendas, será avaliado e compartilhado. Afinal, na posição de consumidores, sempre buscamos por referências, principalmente no caso de estar comprando de uma marca pela primeira vez.

Então, como empreendedor, é preciso entender a necessidade de investir no branding, agregar alto valor ao produto ou serviço oferecido pela empresa e criar um discurso coerente e consistente em todas as esferas. Pois a imagem que uma marca tem, seja ela positiva ou negativa, vai impactar diretamente nos resultados financeiros do negócio.

Por onde começar o branding?

O primeiro passo para gerir uma marca é definir a sua estratégia. É hora de alinhar objetivos, valores, diferenciais e descobrir o seu propósito, a razão de existir. Muitas vezes esse propósito torna-se o próprio slogan da marca.  Criar a personalidade da marca, tal como se fosse uma pessoa, ajuda a criar valor ao produto.

A estratégia do branding vai transmitir os valores intrínsecos da marca, tudo que não é perceptível visivelmente. Então, é preciso que haja coerência e linearidade na forma como a empresa se coloca, o que comunica e como se relaciona com os clientes.

Mesmo no contato em canais diferentes – redes sociais, email, perguntas frequentes, situação de compra e entrega de produto ou serviço – o consumidor deve identificar a mesma linguagem, o que também pode ser chamado de tom de voz. O tom da conversa pode mudar de acordo com o canal de comunicação e com o que está sendo comunicado, porém a voz deve ser reconhecida.

Outro ponto a ser levado em consideração, é o conteúdo a ser oferecido ao seu público. Criar um site onde possa publicá-lo e mantê-lo atualizado vai ajudar na estratégia de alcance orgânico, ou seja, como o Google e outros buscadores irão enxergar o seu negócio e recomendá-lo (ou não) ao público que busca por ele, por meio de palavras-chaves.

Identidade visual e Branding

A coerência de discurso da marca deve estar presente, também, na sua identidade visual. E são inúmeros os fatores que influenciam nesta construção: cores, tipos de fonte, formas, formatos, etc. O assunto é extenso e complexo, por isso merece toda a atenção. Então, falaremos sobre ele no próximo artigo.

Dica bônus da Black

Como empreendedor, independente do seu negócio já estar estabelecido e precisar de uma reformulação estratégica (rebranding), ou estar começando, tenha em mente que tudo leva tempo. Por isso, não espere por resultados imediatos, aja por etapas, de forma a alcançar metas a médio e longo prazo. Assim, você estará mais preparado para investir na gestão da sua marca, sabendo que as conquistas consistentes e efetivas virão. Até a próxima e não deixe de acompanhar nossas redes sociais!

Quer vender seu produto online?

Solicite um orçamento

O ABC da Black Flag.


Logo Loja Online WordPress Identidade Visual Redes Sociais Publicidade e Propaganda Marketing Digital Branding Design Endomarketing Diagramação Produção de Conteúdo Inbound Marketing Outbound Marketing Email Marketing Web Design Front-end Back-end Aplicativos App Apresentações Eventos Gerenciamento de Redes Sociais Mídia Digital Planejamento de Mídia Planejamento de Marketing Criação de Sites Naming Loja Virtual Embalagens Vídeos Stands Ambientação Fachada Retail Design Jornalismo Assessoria de Imprensa Programação Visual Lettering Caligrafia Fotografia Ecommerce Treinamentos RD Station Assessoria de Comunicação Projeto Editorial Manual de Marca SEO SEM Facebook ADS Instagram ADS Google Adwords Google Remarketing Google Display Google Shopping Google Meu Negócio Produção Gráfica Brand Design Captação de Leads

Nossas Certificações.